Água e Esgoto | 29/11/2023

Número de residências com tarifa social cresce em 1000% em Louveira

Este benefício é destinado para famílias com renda per capita de até meio salário mínimo, gerando desconta no valor da conta; antes, apenas 47 famílias eram cadastradas para tarifa social, agora, este número saltou para 522

Nos últimos três anos, Louveira ampliou em 1000% o número de residências com tarifa social de água e esgoto. Este benefício é destinado para famílias com renda per capita de até meio salário mínimo, gerando desconta no valor da conta. Antes, apenas 47 famílias eram cadastradas para tarifa social, agora, este número saltou para 522. Em compromisso com melhorias em saneamento básico, Louveira tem apresentado investimentos acima da média em obras, gerando aumento de acesso dos moradores à água e esgoto tratado, bem como a redução de perda na distribuição em 26,6%, o que corresponde a 24,83% de perda de água em 2023, enquanto em 2019 a porcentagem era 33,83%. Além disso, de 2019 a 2023, foi registrado o aumento de 19,69% de casas com ligação na rede de água e 18% em esgoto. Estes números representam aumentos contínuos no acesso a água e esgoto tratado, maior estabilidade no sistema e redução no desperdício. 

Na tarifa social, há redução de 50% sobre a tarifa residencial para quem consome até 20m³/mês e 25% sobre a tarifa residencial para quem consome entre 20m³/mês a 30 m³/mês.

Entre os investimentos realizados em saneamento básico pela Prefeitura de Louveira, estão obras de setorização, que promovem controle e gerenciamento da rede distribuída, facilitando para manutenções e ajustes, de forma a causar menos transtornos aos moradores. Novas redes de água e esgoto estão sendo implantadas, no qual neste ano já foram atendidos os bairros Pau a Pique, Estiva, Jardim Vera Cruz, Santo Antônio, Ana Maria, Leitão e outros 8,2km de rede coletora de esgoto que estão sendo implantados no Residencial Primavera. Também em destaque está a obra de implantação de toda a rede de água no bairro Monterrey, atendendo a mais de 4.500 moradores. Ao todo, são 21 novos quilômetros de rede de distribuição de água no bairro, sendo um dos investimentos mais aguardados na cidade.

Para atender a área rural, a Prefeitura de Louveira conta com a instalação de biodigestores, promovendo qualidade de vida, despoluição do lençol freático e fortalecimento da agricultura. Desde 2021, 20 biodigestores foram implantados e mais 25 serão instalados.

Com a tecnologia de um robô motorizado de vídeo inspeção, a Prefeitura criou a Ação de Caça Lançamento Irregulares, que realiza a identificação de lançamentos irregulares de esgoto em tubulações de águas pluviais e vice-versa. Este ano, a ação foi intensificada para o objetivo de despoluir o Córrego Santo Antônio, que deságua no Rio Capivari. Foram encontrados cerca de 20 pontos de lançamentos irregulares ao longo do córrego e em dispositivos interligados a ele. Além disso, foram encontradas diversas redes de esgotos obstruídas. Esta é uma ação contínua.

Para obter o benefício da Tarifa Social, é necessário estar no Cadastro Único, se dirigir até a Secretaria de Água e Esgoto ou entrar em contato via WhatsApp (19) 99616-8022 e enviar a documentação: uma conta de água recente; documentos pessoais pelo responsável da ligação da conta; e documentos do Cadastro Único comprovando o cadastro e renda familiar de até meio salário mínimo per capita.

Neste mês de novembro, a ARES-PCJ determinou reajuste no valor da conta de água e esgoto de Louveira. Mesmo com o reajuste, a cidade ainda continua tendo uma das tarifas mais baratas quando comparada com os municípios da região. Para efeitos de comparação, na categoria residencial, na faixa de consumo de 0 a 10³, o valor atual da água é R$24,25 e passará a ser R$26,68 após o reajuste. Em esgoto, o valor atual é R$13,34 e passará a ser R$17,34. Cerca de 32% das residências de Louveira estão nesta categoria de consumo em até 10m³. Nas outras categorias, o reajuste segue na mesma proporção, sendo 10% na de água e 30% na de esgoto.