Governo | 19/03/2014

Durante eleições do AUJ, prefeito Junior Finamore fala em crescimento conjunto das cidades

Foto: Divulgação

Os prefeitos das sete cidades da região entraram em consenso e elegeram na manhã desta terça-feira (18 de março), em Jarinu, Ricardo Bocalon como presidente do Aglomerado Urbano de Jundiaí (AUJ). Reeleito para mais um ano de mandato, o prefeito de Itupeva terá como vice novamente José Roberto de Assis, prefeito de Campo Limpo Paulista. 

Na ocasião, o prefeito de Louveira, Junior Finamore, agradeceu todos os prefeitos pelo espírito republicano e de união que vêm discutindo os problemas da região. “Neste ano espero que continuemos a debater em conjunto os desejos e necessidades da população das cidades, para a região crescer com harmonia e qualidade”, discursou.

Após anunciado o resultado da votação, Bocalon elencou algumas pautas a serem discutidas neste novo mandato, como aumentar a cobrança em cima da Artesp por mais pontos de ônibus e transformar o transporte regional em metropolitano; entre outros. “Vamos neste ano também discutir mais o tema da educação”, disse.

Também presente no encontro, o secretário Estadual de Desenvolvimento Metropolitano, Edmur Mesquita, salientou que o “espírito de unidade” é o que move um Aglomerado ou Região Metropolitana. “É importante mostrar à sociedade que a união é fundamental para construir novos caminhos”.

O prefeito de Jundiaí, Pedro Bigardi, por sua vez, afirmou que “acredita no trabalho integrado” e no “planejamento participativo e regional”. No mesmo tom, Juvenal Rossi, de Várzea Paulista, disse que política é feita com “olhar coletivo e não individualizado”, e por fim justificou seu voto: “acredito que uma mudança agora iria atrasar agenda, configurando um retrocesso”, declarou.

Participaram da reunião o prefeito de Jarinu e anfitrião do encontro, Vicente Cândido Teixeira; o prefeito de Cabreúva, Henrique Martin; o prefeito de Campo Limpo Paulista, José Roberto de Assis; o presidente da Câmara de Louveira, Estanislau Steck; além de autoridades de todas as sete cidades da região.