Segurança | 15/12/2023

Defesa Civil de Louveira segue com a campanha São Paulo Sempre Alerta

A Defesa Civil de Louveira, que integra a Secretaria de Segurança da Prefeitura Municipal, esteve presente na última quinta-feira (14), no evento de lançamento da campanha São Paulo Sempre Alerta, anteriormente chamada de Operação Chuvas de Verão. O evento aconteceu no Palácio dos Bandeirantes, em São Paulo, contou com a participação do governador do Estado de São Paulo, Tarcisio de Freitas, e teve a apresentação de todas as inovações planejadas para enfrentar o período de chuvas deste verão 23/24.

Durante a cerimônia, diversos Termos de Cooperação foram assinados, novas instituições aderiram ao Centro de Voluntariado e seis novas obras, bem como viaturas de Defesa Civil, foram entregues. Destaque também para as homenagens prestadas aos Agentes Municipais e Regionais que se destacaram em 2023.

A Prefeitura de Louveira, ciente da relevância em demonstrar a força do Sistema Estadual de Proteção e Defesa Civil, teve sua representação no evento por meio do Coordenador da Divisão de Defesa Civil da Secretaria de Segurança, Senhor Cassio Eduardo Garcia. A participação sublinha o comprometimento da cidade em fortalecer a colaboração entre diferentes regiões, evidenciando o engajamento coletivo em prol da segurança e bem-estar da população. Este gesto ressalta a importância do trabalho conjunto para enfrentar desafios e construir uma sociedade mais resiliente.

Dentro do município, a Defesa Civil de Louveira segue com uma série de realização de cursos e treinamentos, como o do Programa Verão Mais Seguro, se capacitando e preparando para agir em casos de emergências, como tempestades, inundações e deslizamentos de terra.

No momento, a Defesa Civil elabora um plano de contingência que envolve todas as Secretarias da Prefeitura de Louveira, selecionando dois representantes de cada setor para serem acionados em casos de emergência e, assim, efetivação de serviços que possam ser necessários como designação de um abrigo temporário, disponibilização de colchões, cobertores, roupas e mantimentos a quem precisar, desobstrução de rios, entre outras ações.

A Defesa Civil reforça alguns cuidados que devem ser seguidos, como: ficar atento a avisos meteorológicos e boletins de tempo, esteja pronto para alterar seus planos; se estiver na praia, rio, lago, piscina, campo de futebol ou áreas abertas, saia imediatamente; preste atenção às árvores e cabos elétricos caídos; fique alerta e acordado, muitas mortes por deslizamentos de terra acontecem enquanto as pessoas estão dormindo; e mais:

DESLIZAMENTOS

Além de não construir próximo a barrancos, plantar gramas e capins nas encostas e não jogar lixo nelas, há outras orientações no sentido de se evitar os desmoronamentos. Verifique no terreno se árvores, postes ou muros estão com alguma inclinação anormal; observe também se há rachaduras, trincas ou saliências no chão ou nas paredes. Caso encontre algum indício de deslizamento, saia do local, procure abrigo e informe a Defesa Civil.

INUNDAÇÕES

Tenha um lugar seguro já determinado onde você e sua família possam se alojar em caso de inundação; coloque documentos e objetos de valor em sacos plásticos bem fechados e em local protegido; evite curtos-circuitos desconectando os aparelhos elétricos da tomada; retire os animais de estimação de casa em caso de possível inundação; feche as portas, janelas e registro de entrada de água.

Durante as enchentes, evite contato com a água, que pode estar contaminada; utilize botas de borracha; não tente atravessar de um lugar a outro durante as enxurradas; espere diminuir a intensidade da chuva antes de retornar até a sua casa.

Após as inundações, lave e desinfete os objetos que tiveram contato com a água; verifique se sua casa não corre risco de desabar – peça auxílio à Defesa Civil; não use equipamentos elétricos que tenham sido molhados.

RAIOS E TEMPESTADE

O calor e a umidade típicos do verão propiciam a formação de raios e é exatamente nesta época do ano que aumenta o número de mortes causadas por este fenômeno. A Defesa Civil, informa e orienta a população sobre algumas das medidas que devem ser tomadas para se proteger da ação de raios, como:  abrigar-se em edificações como: prédio, casa e similares, evitando áreas que apresentam partes abertas; não ficar próximo a carros, tratores, motos ou bicicletas; não ficar perto de aparelhos elétricos, tais como telefone com fio ou celular conectado ao carregador; evitar o contato com água e metal, que são condutores de eletricidade. O cobre e o alumínio presentes nos postes atraem raios, então fique longe deles. Mesmo quando já encontrou um abrigo, é importante evitar a proximidade com esses elementos; ficar debaixo ou próximo de árvores é perigoso. O destino do raio é sempre a superfície (terra, concreto ou mar) e pode atingir quem estiver por perto.

Para receber alertas, cadastre-se gratuitamente enviando o CEP de interesse, por SMS, para o número 40199 ou baixe o aplicativo ALERTA SP, disponível para Android e IOS.

Em caso de emergência avise imediatamente a Defesa Civil pelo número 153.