Saúde | 09/02/2024

Centro de Atenção Psicossocial de Louveira completa 10 anos em março

O CAPS atende mais de 1.000 pacientes

O Centro de Atenção Psicossocial de Louveira (CAPS) celebrará, no próximo dia 7 de março, uma década desde sua inauguração. Este importante estabelecimento de saúde dedica-se ao acolhimento e à prestação de assistência e acompanhamento a indivíduos em situação de sofrimento psíquico e portadores de transtornos mentais graves e persistentes.

Ao longo desses dez anos, mais de 1.110 pacientes receberam acompanhamento no CAPS do município. Diversas ações foram implementadas com o intuito de promover o cuidado no território, reabilitação psicossocial, autonomia, inclusão social e fortalecimento dos laços familiares e comunitários. As estratégias incluem oficinas terapêuticas, atendimento individual e familiar, visitas domiciliares, grupos e articulação de cuidados em colaboração com a rede de saúde e setores diversos.

“O CAPS mudou minha vida, fui acolhido e recebi ajuda de toda a equipe, faz nove anos que participo e sou muito agradecido, pois o CAPS fez a diferença na minha vida” afirmou o paciente Amarildo Silvério. 

A equipe multiprofissional do CAPS, composta por psiquiatras, psicólogos, enfermeiros, técnicos de enfermagem, assistentes sociais e terapeutas ocupacionais, desempenha um papel fundamental. O serviço realiza mensalmente cerca de 1.500 procedimentos de maneira humanizada, considerando as particularidades e necessidades específicas de cada paciente, visando criar condições propícias para a reintegração desses indivíduos na sociedade.

Além da atenção diária, o CAPS promove ações nas áreas de educação, trabalho, esporte, cultura e lazer, reconhecendo a importância desses elementos para a qualidade de vida das pessoas atendidas. Essas iniciativas abrangentes visam não apenas tratar os aspectos clínicos, mas também promover o bem-estar global e a inclusão social dos beneficiários do CAPS de Louveira.