Educação | 06/11/2023

Alunos municipais participam nesta quinta (9) da 2ª fase da Olimpíada Mirim de Matemática

Segundo a Secretaria de Educação, 571 alunos respondem à avaliação: são 298 alunos de 2º e 3º ano (Mirim 1), e 273 de 4º e 5º ano (Mirim 2); participam os alunos classificados na 1ª fase, que aconteceu em 28 de agosto

Acontece nesta quinta-feira, 9 de novembro, a 2ª fase da OBMEP (Olimpíada Brasileira de Matemática das Escolas Públicas e Privadas). Importante avaliação intelectual dos alunos, Louveira participa com 571 estudantes, sendo as turmas de 2º e 3º ano (Mirim 1), com 298 alunos, e de 4º e 5º ano (Mirim 2), com 273 alunos, que foram classificados na da 1ª fase, realizada em 28 de agosto. Nesta nova fase, os alunos responderão à 15 questões de múltipla escolha por níveis. 

Na 1ª fase, Louveira participou com 2.845 alunos. Realizada pelo Instituto Nacional de Matemática Pura e Aplicada (IMPA), a OBMEP tem por objetivo estimular e promover o estudo da Matemática no Brasil, identificar jovens talentos e motivar os alunos a participarem da mesma olimpíada nos anos seguintes, quando estiverem no Ensino Fundamental – Anos Finais – já que os alunos medalhistas são premiados com cursos (bolsas de Iniciação Científica Jr), como oportunidade para complementarem seus estudos. 

A participação em avaliações e em olimpíadas de conhecimentos é fundamental para analisar o desempenho dos alunos diante dos conteúdos ministrados e também para aprimorar as políticas educacionais. Com investimentos recordes na rede municipal de Educação, a Prefeitura tem colocado Louveira em rankings nacional e estaduais de destaque entre as melhores cidades. 

O investimento, para este ano, cálculos até agora, deve chegar a 40,26% da Receita Corrente Líquida do município, muito acima do mínimo exigido pela legislação, que é de 25% do total do orçamento para a cidade. Quando se trata de investimento per capita Louveira também surpreende – são R$2,8 mil per capita em Educação para 2023. Somente em 2023, a Prefeitura investiu R$ 135 milhões em Educação de janeiro a agosto (SAIBA MAIS).